Istanbul day 4

No nosso quarto dia de viagem, o passeio se estendeu um pouco além de Istanbul. Fugimos do agito da cidade direto para as Prince's Islands, charmoso arquipélago de ilhas que está a uma hora de ferry boat dali, partindo do porto de Kabatas. A maior das nove ilhas, Buyukada, foi a nossa escolhida. Lá, as típicas mansões no alto das colinas e o som das charretes carregadas por cavalos criam uma atmosfera única, que me fez parecer voltar no tempo. Chegamos cedo e a primeira coisa a ser feita era decidir como iríamos conhecer as redondezas: de charrete ou bicicleta. Esqueça o barulho de motores e buzinas... Nas Ilhas Príncipe o trânsito automóvel é proibido e, o silêncio, sagrado!

Quinze minutos depois da nossa chegada, já estávamos em cima da charrete, curtindo a vista maravilhosa das outras ilhas e do lado asiático de Istanbul. As longas subidas do passeio logo fizeram das bicicletas uma idéia não muito atraente... Além disso, eram mais de 100 charretes aguardando na praça a chegada dos turistas, que fazem fila e não se importam de pagar cerca de 70 liras pelo passeio de uma hora.

Eu sou apaixonada por cavalos desde criança. Há algo sobre eles que sempre me encantou... A leveza, elegância e beleza desse animal me tiram o fôlego! Em Buyukada, muitos deles vivem soltos e livres, num cenário completamente diferente de tudo o que eu já vi. Imagine um lugar sem motores... Os cavalos ajudam a entregar o leite de manhã, são carona para muita gente e mais frequentes do que a própria população local. Em nenhum outro lugar do mundo eu avistei um cavalo, cheguei perto para acaricia-lo e, como se não fosse nada extraordinário, o assisti ir embora para dentro da floresta, junto de seus companheiros. Buyukada parou no tempo e preservou o charme que a modernidade esqueceu...

Paramos diversas vezes durante o percurso, para fotografar e admirar a vista panorâmica do alto da ilha. Sabe um lugar que tem o clima que te obriga a relaxar? Estávamos lá! Vi vários grupos de jovens fazendo piquenique no meio da floresta, provavelmente os mesmos que, durante o verão, frequentam as praias super exclusivas da ilha. Lá estão as casas de veraneio das famílias ricas de Istanbul e os cantos onde artistas e escritores brilhantes resolveram se esconder do mundo habitual. Para os turistas, como nós, uma experiência única: 1 hora de barco e 100 anos de volta no tempo. 

Depois de almoçar e passar horas descobrindo as lojinhas locais, chegou a hora de ir embora... De volta ao mundo real, deixamos o silêncio incomum da ilha para encontrar um mundo de gente, taxis e confusão no porto de Istanbul. Back to reality!

No caminho de volta, o último presente: o sol se escondendo atrás da Mesquita Azul... O pôr-do-sol mais lindo que eu já vi!

A ilha de Buyukada está muito bem guardada nos meus sonhos e pensamentos mais distantes.... Casas lindas e gigantes, colinas verde-esmeralda, o mar transparente e muitos cavalos correndo livremente. Dos lugares que já conheci, nunca vi nada que me lembrasse tanto um conto de fadas.

Vejo vocês no nosso quinto e último dia em Istanbul!